Análise: Inter fecha semana perfeita, encosta nos líderes e sonha com título do Brasileiro

Jogadores do Inter agradecem torcida após vitória — Foto: Ricardo Duarte/Inter
ge — Porto Alegre

Colorado avança na Sul-Americana com virada épica e consegue vitória emblemática sobre o Coelho. A dois pontos do líder, Mano diz que é possível acreditar em algo maior na competição

Sonhar com título brasileiro? "Si, se puede", sentenciou o esperançoso Mano Menezes. O triunfo por 1 a 0 sobre o América-MG, na noite de segunda-feira, no Beira-Rio, coroou uma semana perfeita. Da classificação épica na Sul-Americana aos três pontos emblemáticos arrancados na base da insistência no último minuto: o Inter se permite sonhar com voos maiores em 2022.

Os castelhanos falam “si, se puede”. Vitórias como esta criam uma demonstração de que é possível e podemos acreditar.
— Mano Menezes
Os últimos dias foram de extrema intensidade. Dentro e fora de campo. A virada sobre o Colo Colo aliou desempenho, bravura e reconexão entre time e torcida.

A vitória sobre o Coelho, mesmo sem protagonismo técnico, mostrou o brio de uma equipe que não desistiu e buscou o resultado até os últimos segundos. O gol de Moisés saiu aos 49 minutos e 40 segundos do segundo tempo.

Na sobra de uma cobrança de escanteio recolocada na área que o lateral aproveitou. Fora os minutos de tensão e incerteza até a arbitragem confirmar que a bola não tocou em Moledo no caminho até Moisés.

Nos corredores do Beira-Rio, oo ge testemunhou que o sentimento é de que a equipe "deu liga" e se credencia a brigar entre os melhores. O sonho de uma conquista importante, após uma década, ganha corpo.

Os números comprovam tal teoria. Com Mano no comando, são 20 jogos, 10 vitórias, oito empates e apenas duas derrotas, com 34 gols marcados e 17 sofridos. O aproveitamento é superior a 60%.

O Inter fecha a 16ª rodada na terceira posição com 28 pontos, dois atrás do líder Palmeiras e um do vice-líder Corinthians. A ponta na alçada de mira na próxima rodada.

Os próximos quatro jogos serão decisivos para as pretensões coloradas na competição. Os candidatos ao título - Athletico-PR, São Paulo, Palmeiras e Atlético-MG - estarão no caminho vermelho antes do duelo contra o Melgar pela Sul-Americana.

- Fomos premiados com um gol gostoso. Encerra uma semana muito boa e premia o torcedor que veio hoje. Após tudo que ocorreu na terça, fica muito felizes com tudo. Estamos dois pontos do líder. O campeonato, embora não tenha final, tem jogos emblemáticos. Não temos que falar do futuro, mas o campeonato é analisado em vários recortes. O de hoje é este. Estamos entre os três primeiros - salientou Mano Menezes.

A força do grupo, exaltada por atletas, comissão e dirigentes, tem aparecido na prática. Mano terminou a partida de segunda-feira à noite com Johnny improvisado na lateral direita, Boschilia, Mauricio, Caio Vidal e Wesley Moraes na frente. Os cinco são considerados reservas e alguns sequer foram relacionados para duelos anteriores. Mais um elemento determinante para brigar pelo título.

Já não bastassem Bustos, Renê, Alan Patrick e Wanderson lesionados, Taison, que assumiu papel de líder técnico com os desfalques, sentiu um desconforto muscular na etapa final. Uma vez mais, o problema teve de ser superado com resiliência e mentalidade forte, um dos acréscimos da gestão capitaneada por Mano.

- O que mais me deixa feliz é a recuperação de jogadores que não vinham bem e eram criticados. Tenho batido nisso. O time melhora, organiza e os jogadores mostram que têm capacidade muito boa - sintetizou.

- Estamos na briga pelo Campeonato Brasileiro e isso é importante para o clube e para o grupo, para todos do trabalho - disse o presidente Alessandro Barcellos.

Sequência de jogos do Inter:

  • 17ª rodada: Athletico-PR (6º) - Arena da Baixada
  • 18ª rodada: São Paulo (7º) - Beira-Rio
  • 19ª rodada: Palmeiras (1º) - Allianz Parque
  • 20ª rodada: Atlético-MG (4º) - Beira-Rio

Com foco totalmente voltado para o Brasileirão, o Inter retoma os treinos na tarde desta terça-feira no CT do Parque Gigante. Mano dará início a preparação para enfrentar Athletico-PR, do técnico Luiz Felipe Scolari, no sábado, na Arena da Baixada.