Avaí bate o Botafogo, sai da zona de rebaixamento e joga rival no Z-4

Melhores momentos: Botafogo 0 x 1 Avaí, pela 11ª rodada do Brasileirão 2022
fonte: ge sc

Ex-Botafogo, Kevin marca o gol da partida em bonita cobrança de falta

  • Avaí sai da zona de rebaixamento, Botafogo entra

    Alegria de um tristeza do outro. A vitória por 1 a 0 do Avaí, nesta segunda-feira, no Nilton Santos, sobre o Botafogo tirou a equipe catarinense da zona de rebaixamento e deixou o Alvinegro entre os quatro piores da tabela. O Avaí não teve muitas chances no ataque mas aproveitou uma oportunidade em cobrança de falta de Kevin para marcar o gol da vitória e jogar a pressão sobre o adversário, que vinha fazendo uma partida melhor, mas não teve eficiência. O que se viu no Nilton Santos foram muitas vaias para os jogadores e técnico Luís Castro, que dá o tom da pressão que a equipe carioca deve sofrer nos próximos dias.

  • Primeiro tempo

    As duas equipes começaram a partida com uma proposta semelhante de pressão no ataque e contragolpe rápido, aproveitando os espaços na defesa. O Botafogo foi superior nesse início, conseguiu incomodar com finalizações e acuar o Avaí. Aos poucos, os visitantes passaram a trabalhar a bola à moda do Barroca para equilibrar a partida. Novamente, o Alvinegro voltou a tomar iniciativa e chegou às melhores oportunidades com Chay e Erison, aos 34 e 37 minutos, respectivamente, que exigiram grandes defesas de Douglas. No entanto, foi o Avaí que chegou ao gol com Kevin, que fez ótima cobrança de falta aos 45 minutos sem dar chances para Gatito.

  • Segundo tempo

    O Botafogo sentiu a pressão do gol antes do intervalo e isso se refletiu ao longo de toda segunda etapa. Estrategicamente, a equipe do Avaí recuou e buscou fechar os espaços. O time Alvinegro, nervoso, tentava manter a bola no campo de ataque, mas faltava criatividade para criar boas oportunidades como as do primeiro tempo. O técnico Luís Castro realizou diversas mudanças que não vingaram, como a entrada de Matheus Nascimento no lugar do lateral Daniel Borges, que jogou Vinícius Lopes, o melhor do time, na ala. A alteração diminuiu ainda mais o poder ofensivo.  O jogo terminou com uma série de erros técnicos construídos a base do nervosismo dos jogadores alvinegros em campo. O time de Eduardo Barroca soube se defender, segurou a pressão e ainda ouviu "olé" favorável vindo da torcida da casa, que viu, inconformada, mais um revés do Botafogo.

    • Tabela

      Vitória magra mas que levou muito alívio para o Avaí, que chegou a 14 pontos e subiu para a 10ª posição. O Botafogo, no entanto, caiu para a zona de rebaixamento, na 17ª posição, com 12 pontos. Confira a tabela.

      As duas equipes voltam a jogar na próxima quinta-feira. O Avaí enfrenta o Fortaleza na Ressacada, às 19h. Enquanto o Botafogo volta ao Nilton Santos para enfrentar o São Paulo, às 16h.

    • Vaias para o Botafogo e grito de "Olé" para o Avaí

      "A lei do ex", assim o lateral-direito Kevin, em entrevista, definiu seu belo gol de falta aos 45 do primeiro tempo. A apesar do gol do ex-alvinegro aos 45 do primeiro tempo, era o Botafogo que mostrava melhor futebol e criava as melhores oportunidades. O desempenho, porém, não impediu a equipe de sair vaiada do intervalo e ver a pressão das arquibancadas continuar na segunda etapa. À medida que o jogo se encaminhava para o fim, os protestos aumentaram, com gritos de "time sem vergonha" e "olé" enquanto a equipe catarinense trocava passes para diminuir o ritmo da partida. Por ironia, eram gritos de olé que exaltavam o time de Eduardo Barroca, Bruno Silva e Cortez que fizeram valer, assim como Kevin, a tal lei.

      Torcida do Botafogo protesta contra o time durante jogo contra o Avaí no Nilton Santos

      Torcida do Botafogo protesta contra o time durante jogo contra o Avaí no Nilton Santos

    • Fala, Bruno Silva

      Bruno Silva comemora vitória do Avaí sobre o Botafogo: "A gente está feliz pelo resultado"

      Bruno Silva comemora vitória do Avaí sobre o Botafogo: "A gente está feliz pelo resultado"

      • Gatito fala sobre mau momento

        Gatito Fernandez fala sobre mau momento do Botafogo: "Essa fase está sendo muito dura pra gente"

        Gatito Fernandez fala sobre mau momento do Botafogo: "Essa fase está sendo muito dura pra gente"

      • Atuações do Botafogo

        Oyama e Tchê Tchê são os piores em péssima noite do time.