Mulher aciona ‘botão do pânico’ contra feminicídio e homem que a manteve refém por 3 horas é preso em SC

Homem fez mulher refém por cerca de 3 horas — Foto: PMSC/Divulgação
Fonte: g1 SC e NSC

Botão é uma ferramenta do aplicativo do programa Rede Catarina, que combate os crimes de feminicídio e violência doméstica no Estado. Ex-companheiro da vítima ameaçava matar a vítima usando um objeto pontiagudo, segundo a PM.

Um homem foi preso na madrugada desta terça-feira (14) em Joinville, no Norte, após a ex-companheira dele acionar o "botão de pânico" no aplicativo do programa Rede Catarina, que combate os crimes de feminicídio e violência doméstica. Segundo o relato da Polícia Militar, o homem manteve a vítima refém por cerca de 3 horas na casa dela sob ameaça de morte e empunhava um objeto pontiagudo.

Quando a PM chegou na casa da mulher de 42 anos, o local estava trancado por correntes, o que dificultou o acesso da polícia.Além da vítima, o pai dela, de 83 anos, também estava na residência.