PM fecha banca de tráfico de drogas em bar do Alto Arroio

Nesta terça-feira, 8, por volta das 18h, na Marginal da BR 101, bairro Alto Arroio, a PM registrou ocorrência de tráfico de drogas. A guarnição do TÁTICO há aproximadamente uma semana recebeu informações de que em um bar, localizado às margens da BR101 estava ocorrendo tráfico de drogas. De acordo com as informações, as responsáveis pelo comércio de drogas no local, seriam um casal de duas mulheres.

Ontem, 8, a guarnição se deslocou e realizou o monitoramento do local, sendo flagrado uma intensa movimentação, porém a guarnição não obteve êxito em abordar os possíveis usuários. Em certo momento, foi flagrado quando um motociclista chegou e saiu do local em seguida. Foi realizada a sua abordagem. Em busca pessoal foi localizada no interior de sua mochila um invólucro contendo em sua interior substância análoga à cocaína, pesando aproximadamente 0.9 gramas. Indagado, ele relatou a guarnição que havia realmente adquirido no bar o qual era monitorado, mas comprado de um masculino, de aproximadamente 40 anos de idade.

Em ato contínuo a guarnição se deslocou ao local e logrou êxito em abordar o masculino citado. Durante buscas foi apreendido R$629,00 em espécie. O abordado declarou que as proprietárias do local, haviam saído e deixado ele como responsável pelo estabelecimento e principalmente pelo tráfico de drogas. Ele citou o nome das envolvidas, mas afirmou que apenas uma trafica no local. Também apontou aos policiais onde os entorpecentes estavam escondidos, sendo estes apreendidos. No sofá estavam 03 pequenos torrões de substância análoga à maconha, pesando cada um aproximadamente 20 gramas, embalados e prontos para venda e R$752,00. Atrás da geladeira, foi localizado um pequeno pote contendo em seu interior 21 petecas de substância análoga a COCAÍNA. Enterrado nos fundos do terreno, foi apreendido mais um pote contendo 22 petecas da mesma substância. Ainda foram apreendidos vários tickets de cartão de crédito/débito nos valores de R$50,00 e R$100,00, provavelmente relacionados à venda de entorpecentes. Haviam cadernos com anotações relacionadas ao tráfico de drogas.

O abordado ainda relatou que possuía mais cocaína em sua residência, desta forma, foi deslocado ao local e apreendido mais dois invólucros contendo em seu interior, substância semelhante a cocaína, pesando aproximadamente 10.4 gramas. O homem relatou que a droga apreendida em sua residência teria ganhado da mulher monitorada, para que esse comercializasse drogas para ela. No local ainda foram apreendidos: 03 cadernos com anotações, 2 máquinas de cartão, 2 aparelhos celulares e 2 balanças de precisão, bem como documento da mulher monitorada.

Ante o relatado, foi dada voz de prisão ao abordado, sendo este informado de seus direitos constitucionais e conduzido à delegacia de Polícia Civil para os procedimentos de praxe.